A história de Antônio Salgado de Abreu e sua convivência com a Doença de Parkinson

Antônio Luiz Salgado de Abreu, morador do Rio de Janeiro e leitor do Blog Dyskinesis, participa este mês da seção Espaço do Leitor, contando um pouco de sua história de vida e de algumas lições que aprendeu durante sua convivência com a Doença de Parkinson. Confira a seguir o relato. Continuar lendo

Anúncios

O tradutor-terapeuta e seus sócios Mr. Parkinson e Da. Distonia

O Espaço do Leitor de hoje traz um relato literário de um amigo do Blog Dyskinesis que convive com dois distúrbios de movimento, a doença de Parkinson e a Distonia Cervical. Gonzalo G. Acquistapace, ítalo-uruguaio residente em São Paulo, é tradutor e ghost-writer. Há 10 anos é coordenador de um pronto-socorro de traduções 24 horas. É editor também de uma página de autoajuda no Facebook. Atualmente, realiza cursos intensivos de terapias holísticas e desenvolve projetos relacionados com a função coadjuvante de atividades culturais, intelectuais e físicas na estimulação cerebral e na produção de dopamina nas pessoas afetadas pelo Parkinson. Seu e-mail para contato é tradutor24horas@uol.com.br Continuar lendo

A história da Danny – Projeto Vibrar Parkinson

13987166_317482538589647_1003466084_oUm dos distúrbios de movimento mais conhecidos é a Doença de Parkinson. Ela é caracterizada pela degeneração de neurônios responsáveis pela produção do neurotransmissor dopamina, levando ao aparecimento de tremores, rigidez, lentidão nos movimentos, perda do equilíbrio e outros sintomas. Geralmente associado à idade avançada, o Parkinson também pode ocorrer em indivíduos com menos de 40 anos. Essa é a realidade de Danielle Ianzer, criadora do Projeto Vibrar Parkinson, que começou a sentir os efeitos desse distúrbio de movimento com apenas 29 anos de idade. A seguir, Danny conta sobre sua história, suas motivações e objetivos com o projeto. Continuar lendo

O que são distúrbios de movimento?

By Ltljltlj - Public DomainA categoria de deficiências conhecidas como distúrbios de movimento engloba condições que interferem no controle da movimentação corporal, sendo de origem neurológica, causadas por alterações de sistemas como os núcleos da base, córtex cerebral e cerebelo. Segundo o neurologista Dr. Flávio Sekeff Sallem, também as lesões periféricas, como traumatismos, lesões de nervos ou da medula, podem levar a alterações fisiológicas nos núcleos da base, favorecendo o aparecimento de distúrbios de movimento nesses outros casos. Continuar lendo